Artista Rochane Torres abre exposição individual na Vila Cultural Cora Coralina em Goiânia

Por Zeroum Comunicação 

A pesquisa artística para a exposição Quadro a Quadro também originou a criação de animação e a publicação de livro, que serão lançados na terça-feira (12/3)

A exposição individual Quadro a Quadro da artista Rochane Torres discute narrativas entre pintura e imagem digital, em processos de apropriação, citação e simulação. A visitação estará aberta ao público na terça-feira (12/3), às 19 horas, na Sala Antônio Poteiro da Vila Cultural Cora Coralina, em Goiânia. Com apoio da Lei Municipal de Incentivo à Cultura, este projeto prevê ainda a realização de ação educativa conduzida por Joanna Pena, além do lançamento do vídeo-animação Diálogos Vazios e do Livro Arte, publicado pela NegaLilu Editora.

Foto5_Paulo Rezende

Nas últimas três décadas de trabalho, o processo investigativo de Rochane Torres trata a poética da arte e faz uma reflexão sobre a sociedade em que a artista está inserida. Em Quadro a Quadro, ela apresenta uma pesquisa sobre a narrativa da pintura, nas 12 obras de dimensões variadas, produzidas em acrílico sobre tela. As cenas supra coloridas apresentam indivíduos alienados, habitantes de um planeta de cultura globalizada e massificado pelas mídias.

Foto_Paulo Rezende

“Nessa pesquisa, dialogo com o formato de histórias em quadrinhos, são personagens pouco inocentes que carregam um enigma, uma narrativa onomatopeica saturada de sentido e de vazio, que condensa memória e esquecimento de experiências da infância atualizadas na vida adulta”, comenta Rochane.

A mosca, o dinossauro, o cachorro, o pássaro, o morcego, o homem de gravata são figuras apáticas e, ao mesmo tempo, ávidas para mostrar os dentes. Há personagens solitários e inertes, fazem recepção passiva de conteúdos, que reproduzem de maneira superficial e pouco particular.

Foto6_Paulo Rezende

A artista relata sua busca por uma pintura narrativa com dualidade entre perguntas e respostas encerradas em si. “Pretendendo estabelecer uma dialética do visível e do dizível da pintura narrativa, discutindo memória do próprio objeto pictórico, artefato pintura, artesania, desenho, imagem figurativa, narrativa da pintura, forma e diluição da forma e a distinção da cópia como reprodução”, conta. Para ela, Livro Arte e a animação Diálogos Vazios complementam este discurso da matéria e das linguagens.

Um livro

Rochane Torres optou pela publicação de um livro e não pela produção de um catálogo. A artista percebe o Livro Arte como um objeto artístico autônomo no contexto da exposição Quadro a Quadro. “A pintura fotografada e impressa torna-se uma outra imagem, não é uma cópia. Naturalmente, não é mais pintura, pois teve sua dimensão modificada, bem como a vibração da cor e o gesto do artista. Dessa forma, não fez sentido para mim reproduzir as obras pictóricas em um catálogo”, ressalta. Publicado pela NegaLilu Editora, Livro Arte é de autoria de Rochane Torres, com interferências digitais de Joanna Penna e texto da curadora da exposição Quadro a Quadro, Nancy de Melo.

Arte-educação

Na ação educativa do projeto, a arte-educadora Joanna Penna buscará provocar reflexão e discussão sobre processo criativo, olhar sobre as obras, pintura, imagens digitais, apropriações, citações e narrativas poéticas em dialogo com a pintura e a história em quadrinhos. A ação educativa será oferecida a estudantes de escolas públicas do estado de Goiás e conta com a orientação do programa de formação do espaço ARTCO do Centro de Estudo e Pesquisa Ciranda da Arte da Secretaria de Educação do Estado de Goiás. As atividades de arte-educação serão registradas para integrar um vídeo sobre a expografia e a ação educativa de Quadro a Quadro.

Rochane Tores é artista plástica, cineasta e educadora. Estudou na Faculdade de Artes Visuais da UFG. É coordenadora do Espaço Expositivo ARTCO do Centro de Estudo e Pesquisa Ciranda da Arte, vinculado à SEDUCE – Secretaria de Estado de Educação, Cultura e Esporte de Goiás. Produz desenho, pintura, escultura e curtas-metragens. Participa de mostras, festivais, exposições coletivas e individuais.

SERVIÇO

Exposição individual Quadro a Quadro

Abertura: 12 de março (terça-feira), às 19 horas, na Sala Antônio Poteiro da Vila Cultural Cora Coralina, em Goiânia.

Período de visitação: 12 a 31 de março de 2019

Entrada gratuita

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>